Friday, May 15, 2015

533.



musa paradisíaca na "Cantina"
Fórum Eugénio de Almeida, Évora
16 de maio, 17h30
Destinatários: Público em geral

Thursday, April 23, 2015

532.


antónio lago + susana chiocca
ekstaseis náuticas (hino à europa)
às 19h CMT
na Facultad de Bellas Artes de Cuenca

e em streaming:
http://www.makingdos.com/streaming

+ info: http://arte-a.org/node/1165

Wednesday, April 8, 2015

531.


susana mendes silva e miguel pereira
"the square party"

00H00

performance concebida para os
8 anos da Appleton Square
começa na passagem do dia 10 para o 11 de abril

530.


Wednesday, April 1, 2015

529.


hush hour in the studio
antónio olaio
 
quarta-feira, 1 de Abril às 22h 
seguida de conversa entre o artista e o curador João Silvério

Appleton Square
Rua Acácio Paiva nº27 R/C
1700-004 Lisboa

Tuesday, March 24, 2015

528.


≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠

The Feminist Rock Salt has landed!
The Feminist Rock Salt is the place for performance
The Feminist Rock Salt does what it likes
The Feminist Rock Salt loves Lynda 4eva
Come on board, come inside

Performances by Anna Maria Pinaka, Diana Policarpo, Axelle Stiefel and Deniz 'muscles' Unal
≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠ ≠

Programme starts 19.00 SHARP

Entrance = pay-what-you-will!

Diana Policarpo (PT)
Diana Policarpo will present a site-specific performance on the 26th of March for The Feminist Rock Salt, that will incorporate sound and spoken word.


http://w139.nl/en/article/22822/the-feminist-rock-salt-presents/

527.

spectre solaire
fernando fadigas e joão paulo serafim

Performance:  25.03.2015 / 19h00
Baginski Galeria / Projectos (Sala 53)



Thursday, February 5, 2015

526.


Yves Klein a dirigir Symphonie Monoton frente a uma orquestra imaginária, Gelsenkirschen’s Opera House, 1959
© Yves Klein, ADAGP, Paris 2014 / © Photo Charles Wilp



6 FEV. 21H30 / 7 FEV. 16H00
PERFORMANCE... AGAIN!
1#
Pintura ainda: abandono e persistência
/
curadoria
VERA MOTA
/
Pequeno Auditório TM RIVOLI
5.00 EUR

Performance... again! apresenta um programa que propõe revisitar performances de referência, por meio da sua reprodução, ou através da exibição de filmes que as documentam. Assim, cada evento servirá para observar e analisar um conjunto de características marcantes da performance a partir de uma selecção de obras que as tornam evidentes, e que serão amplamente debatidas durante conversas que contarão com a participação de diferentes agentes dos circuitos artísticos contemporâneos, promovendo a discussão em torno das possibilidades da existência da performance ainda, mas também do seu estatuto perante a sua reprodução, um outra vez. 

O primeiro momento do programa, Pintura ainda: abandono e persistência, irá debruçar-se sobre a relação entre pintura e performance, e as diferentes formas como se materializa na obra de alguns artistas, nomeadamente Yves Klein, Paul MacCarthy e António Olaio.

Teatro Municipal do Porto
Rivoli . Campo Alegre


6 FEV. 21H30 | Pequeno Auditório TM RIVOLI

PERFORMANCE
SYMPHONIE MONOTON-SILENCE, de Yves Klein

Maestro: ROLAND DAHINDEN (SH)
Com a participação especial da Academia de Música de Costa Cabral.


“During this period of concentration, I created, around 1947–1948, a monotone symphony whose theme expresses what I wished my life to be.
This symphony of forty minutes duration (although that is of no importance, as one will see) consisted of one unique continuous sound, drawn out and deprived of its beginning and of its end, creating a feeling of vertigo and of aspiration outside of time. Thus even in its presence, this symphony does not exist. It exists outside of the phenomenology of time because it is neither born nor will it die, after existence. However, in the world of our possibilities of conscious perception, it is silence - audible presence.”
Yves Klein, Overcoming the problematics of art, in Overcoming the problematics of art, the writings of Yves Klein,  Spring Publications, Inc., 2007, p. 45


7 FEV. 16H00 | Pequeno Auditório TM RIVOLI

VÍDEO
PAINTING FACE DOWN — WHITE LINE (1972), de Paul McCarthy.

VÍDEO / PERFORMANCE
O mundo em amarelo (a partir de Il faut danser Portugal, 1984),
de António Olaio.


Conversa
MAGNUS AF PETERSENS CURADOR (SW)
ANTÓNIO OLAIO ARTISTA (PT)
MODERAÇÃO DE
VERA MOTA



Friday, January 9, 2015

525.


sub40

sábado, 10 janeiro
17h30
performances 
de vera mota, catarina miranda e flávio rodrigues



auditório biblioteca municipal almeida garrett

horário:

sexta-feira e domingo: 14h00-18h00 

sábado: 10h00-18h00

entrada livre

524.

vasco araújo
dia positivo

13-14 de janeiro, 18:30
centro de arte moderna da fundação calouste gulbenkian
entrada 2,5 Euros


Wednesday, December 10, 2014

523.

 
silvestre pestana
drone V

13 de Dezembro 2014
17h30 | Performance 
Encerramento da exposição individual "SUFOCO" de Silvestre Pestana

no espaço MIRA
Rua de Miraflor 159
Campanhã, Porto

Thursday, December 4, 2014

522.





von calhau
performance - tradução de vocábulos balbuciados em movimentos de contracção e expansão lumínico-eléctricos traduzidos em impulsos acústicos de duvidosa fidelidade - tauto-rombudagem. A intervenção dos Von Calhau é feita a partir da peça Alvará de Mafalda Santos.


Quinta-feira, 4 de Dezembro às 19h
Carpe Diem Arte e Pesquisa 
Rua de O Século, 79

[entrada gratuita]

+info
Surgidos no Porto em 2006, Von Calhau são Marta Baptista e João Alves. O corpo de trabalho dos !Von Calhau! estende-se por diversas áreas, que vão desde a música às artes visuais e ao filme. Além dos álbuns, o seu percurso desde então inclui projectos performativos e expositivos, entre os quais uma residência na Galeria ZDB, no Atelier MTK (Grenoble), no Instituto Araújo Porto/Fundação de Serralves, tendo participado ainda na 10ª edição do Prémio União Latina.

Mafalda Santos (1980) é licenciada em Pintura na Faculdade de Belas Artes do Porto. Entre 2002 e 2007, foi programadora do espaço PêSSEGOpráSEMANA, no Porto, com os artistas André Sousa e Miguel Carneiro. Expõe regularmente desde 2001 e é representada pela Galeria Presença desde 2006. Em 2007/2008 foi bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian e da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD) na residência artística Location One, em Nova Iorque. Foi seleccionada para o Prémio EDP Novos Artistas 2007. Responsável juntamente com Susana Gaudêncio pelo projecto Pessoa Colectiva, desde 2010. Actualmente gere, com Manuel Mesquita, o programa de residências artísticas Moinho da Fonte Santa, no Alandroal. O seu trabalho encontra-se incluído nas colecções portuguesas de António Cachola, das Fundações EDP e Ilídio Pinho, Grupo RAR e Fundação PLMJ /